Últimos filmes assistidos #01

quinta-feira, 11 de agosto de 2016
Falar de filmes é sempre bom, e eu ando trazendo pouco desse assunto aqui pro blog. Por isso, sempre que puder, vou comentar com vocês alguns dos meus filmes assistidos recentemente. Também pretendo fazer posts completos sobre filmes que gosto, então podem aguardar mais conteúdo de cinema daqui pra frente.


Esquadrão Suicida. Na semana de estreia, mais precisamente na sexta-feira, decidi dar uma chance pra um dos filmes mais aguardados de 2016. Foram muitos teasers e trailers que me deixaram desesperada por um filme que prometia ser incrível... e acabou sendo bem mais ou menos. O Coringa de Jared Leto, tão explorado no material de divulgação do longa, mal aparece. Dessa forma, fica difícil opinar sobre sua atuação, que a propósito achei bem competente (na medida do possível). Margot Robbie, Viola Davis e Will Smith mandaram bem e El Diablo foi meu personagem favorito. Resumindo, é um filme divertido, mas deixou a desejar depois de tanto hype gerado.


Sing Street. Já comentei aqui no DdP sobre John Carney, um diretor que mesmo com poucos filmes no currículo já conquistou meu coração. Pois bem, em Sing Street ele ataca novamente e me deixa morrendo de amores por seu trabalho. A música dos anos 80 é o que embala esse longa, que conta a história de um rapaz que monta uma banda para impressionar uma garota. Claro que esse é apenas o resumo do enredo, pois no filme são abordados diversos assuntos sérios, mesmo que com um tom mais leve. Os personagens são super cativantes e a trilha sonora é um show à parte. Apenas assistam!

Estranho Thomas. Assisti esse filme sem pretensão nenhuma, só porque a Netflix estava sugerindo. O ator principal, Anton Yelchin, faleceu recentemente, o que é uma pena pois ele tinha um futuro bem promissor. Tirando este fato triste, esse filme é até divertido. Tem uma premissa sobrenatural e que pode se encaixar como filme de terror, mas o tom utilizado é bem alegre e com certeza arranca algumas risadas. Tem um pouquinho de drama também e um final que pode surpreender alguns. Eu não curti tanto porque esperava algo bem mais sombrio, no estilo Todo Mundo Quase Morto. Mas no geral é um bom filme pra passar o tempo e nada mais.


A Caça. Muitos já conhecem o Mads Mikkelsen e o admiram pelo que já conhecem dele em Hannibal, o que não é o meu caso. Já sabia que encontraria uma atuação excelente de Mads nesse drama/suspense dinamarquês, mas mesmo assim fui surpreendida pela qualidade de seu trabalho. A trama gira em torno de um respeitado professor de jardim de infância que é acusado de abuso sexual por uma de suas alunas. A partir daí, ele passa a sofrer diversos atos de discriminação e humilhação dos moradores da pequena cidade em que vive. Este filme levanta diversos questionamentos sobre ética e justiça, e como agimos quando nos deparamos com uma situação violenta mesmo em circunstâncias improváveis. Recomendo muito.

Desejo e Reparação. Já fiz resenha do livro aqui, e lembro de ter gostado bastante. O filme é bem fiel e tem uma fotografia linda, além de possuir um elenco impecável. Só pra citar alguns: Saoirse Ronan, James McAvoy, Keira Knightley, Benedict Cumberbatch... Só gente maravilhosa, né? Pois então já saiba que é obrigatório pra quem curte um bom filme de época com um excelente roteiro. Foi difícil segurar o choro no final, viu?!


Dois Caras Legais. Se tem Ryan Gosling, eu não penso duas vezes em assistir. E foi uma escolha acertadíssima, pois além desse maravilhoso, temos Russel Crowe no elenco mostrando que ainda sabe muito bem o que está fazendo (e com direito a barriguinha de chopp). O filme é uma mistura de comédia e ação, no estilo film noir. As cenas de comédia são realmente engraçadas e chegam até a apelar pro pastelão, mas sem se tornar ridículo. Destaque para o Ryan que está simplesmente hilário, fico cada dia mais encantada com a versatilidade dele (e com aquele rostinho também, né?!).

E aí, quem já assistiu os filmes que citei? Tem algum que interessou ou alguma indicação pra me dar? Deixa nos comentários!

Beijos e até o próximo post :*

2 comentários:

  1. Gostei muito de Esquadrão Suicida, mas confesso que a atuação do Jared Leto foi meio "nhe". Ele não apareceu muito, mas nas poucas cenas eu achei muito forçado. Talvez não totalmente por culpa dele, mas ainda assim... Haha
    Desejo e Reparação é incrível! Chorei muito quando vi. E tô querendo ver Dois Caras Legais por motivos de: Ryan. Lindo!
    Beijos

    www.fernandamrgd.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Haha, achei o Jared bem injustiçado. Sou fã dele, logo, sou suspeita pra falar rs

      Dois Caras Legais, assista! Ryan está simplesmente hilário, muito amor :} beijoos

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Topo ↑